terça-feira, 15 de maio de 2012

A última viagem do Lemora

"Não comentei o estranho episódio da aparição de Jorghensen com ninguém, embora este fato tenha sem dúvida me perturbado. Os marujos já possuíam suas próprias preocupações. Afinal, tudo aquilo podia não ter passado de um sonho. Na época, eu jamais teria a capacidade de imaginar que meu grotesco encontro na madrugada pudesse ter algum tipo de significado. Hoje, percebo que aquele acontecimento, real ou não, fora uma premonição. Não gosto destas definições místicas, entretanto, não tenho outra explicação. Sei que nem tudo o que acontece neste mundo pode ser explicado de modo racional. Aprendi isso da pior forma, enfrentando uma situação que nenhuma mente sã poderia conceber."


A noveleta "A última viagem do Lemora" está em BAZAR PULP - HISTÓRIAS DE FANTASIA, AVENTURA E HORROR.


Nenhum comentário: